O festival de jazz e música instrumental realiza sua terceira edição no Rio de Janeiro

Nascido em Belo Horizonte, maior encontro de jazz e música instrumental do Brasil terá shows no Rio nos dias 23 e 24 de agosto
Evento vai promover encontro de artistas brasileiros e israelenses em dois dos principais palcos da Lapa

 

Foto: Isabela Cunha

O Savassi Festival chega ao Rio de Janeiro dias 23 e 24 de agosto, apresentando ícones do jazz nacional e de Israel em shows na Sala Cecília Meireles e no Bar Semente.

No dia 23, o duo Gilson Peranzetta e Cliff Korman vai se apresentar na Sala Cecília Meireles, seguido do grupo Corda, apresentando o repertório de Astor Piazzolla. No mesmo dia, no Bar Semente, haverá shows do Duo Bebê Kramer e Gabriel Grossi.

Dia 24 de agosto é a vez do Oded Tzur Quarteto e Shai Maestro Trio mostrarem por que o jazz de Israel vem conquistando espaço no mundo todo, na sala de concertos. Também neste dia, o violonista Zé Paulo Becker encerra a etapa carioca do Savassi Festival com uma apresentação no Semente. 

É a terceira edição do Savassi em território carioca, e a 15ª edição do festival em Belo Horizonte. Paralelo aos shows, haverá dois workshops internacionais em parceria com a Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ) e a Uni-Rio. O evento é patrocinado pela Oi, com apoio do Oi Futuro.

 

ROTEIRO

 

23 de agosto, quarta-feira

19h30-20h30

DUO DE PIANOS: GILSON PERANZZETTA E CLIFF KORMAN

Sala Cecília Meireles – Largo da Lapa 47.

Tel: 2332-9223. Lotação: 670 lugares. Acessibilidade.

Ingressos: R$ 40  (inteira) e R$ 20 (meia)

De um lado o brasileiro Gilson Peranzzetta; de outro, o norte-americano Cliff Korman. Os dois artistas têm grande afinidade musical, e o traço que os une é o interesse por ritmos brasileiros, latinos e jazz, aliado a uma sólida formação clássica. Reconhecidos pelo público e pela crítica como artistas completos e inventivos, Peranzzetta e Korman se equilibrarão entre improvisos e estruturas pré-definidas, em um espetáculo de lirismo, ritmo, inspiração e técnica. O repertório será composto por clássicos do cancioneiro popular e composições próprias.

 

20h45-21h45

GRUPO CORDA TOCA PIAZZOLLA

Sala Cecília Meireles – Largo da Lapa, 47.

<

p style=”text-align: justify;”>Os músicos búlgaros Nikolay Sapoundjiev (violino) e Emília Valova (cello), mais Ana Azevedo (piano) e Lipe Portinho (contrabaixo) convidaram o baterista André Tandeta para recriar a obra de Astor Piazzolla (1921-1992), o renovador do tango.
O repertório foi adaptado do quinteto original de Piazzolla para a formação do Corda por Ana Azevedo e Lipe Portinho, dois conhecidos arranjadores cariocas que estão a frente de grupos como Tutti e Gravíssimo Bass Ensemble.
O resultado é um show de mais de uma hora da melhor música portenha, com joias como As “Estaciones Porteñas”, “Adios Noniño”, “Oblivion” e “Muerte Del Angel”.

 

 

22h-24h

BEBÊ KRAMER E GABRIEL GROSSI DUO

Bar Semente – Rua Evaristo da Veiga 149

Tel: 2507-5188

Couvert artístico: R$ 30

 

   

24 de agosto, quinta-feira

19h30-20h30

NOVO JAZZ DE ISRAEL – ODED TZUR QUARTETO

Sala Cecília Meireles – Largo da Lapa 47.

Tel: 2332-9223 Lotação: 670 lugares. Acessibilidade.

Ingressos: R$ 40 (inteira) e R$ 20 (meia)

Oded Tzur é saxofonista e compositor, residente em Nova York. Seus dois últimos álbuns, lançados em 2015 e 2017, renderam à sua música o título de “um novo tipo de swing”, tendo boa receptividade da crítica no Japão, na América do Sul, na Europa, na Rússia e em diversos locais dos EUA.

 

20h45-22h

NOVO JAZZ DE ISRAEL – SHAI MAESTRO TRIO

Sala Cecília Meireles – Largo da Lapa 47.

O grupo vai apresentar músicas de seu quarto álbum The Stone Skipper. Lançado em 2016, a obra é composta por canções conectadas entre si, que forma uma narrativa para além da virtuosidade artística, mas com força e potência musical.

 

22h-24h

ZÉ PAULO BECKER

Bar Semente – Rua Evaristo da Veiga 149.

Tel: 2507-5188

Couvert artístico: R$ 30

Aluno dos grandes violonistas Turíbio Santos, Marco Pereira, Léo Soares e Nícolas Barros, Zé Paulo se tornou um premiado Mestre de Violão pela UFRJ. O instrumentista, compositor e arranjador tocou com os maiores nomes da MPB do século XX e segue sua carreira incentivando e formando nomes mestres do violão.

 

 

WORKSHOPS

24 de agosto, quinta-feira

CONTRABAIXO DE JORGE ROEDER (Peru)

Auditório CCPJ UFRJ

Rua Dom Manuel 29 – Centro

Atividade gratuita

 

 

MICROTONALIDADE com Oded Tzur (Israel/Nova York)

10h-12h Sala Villa Lobos Instituto Villa Lobos-Unirio

Av. Pasteur 436 – Urca

Atividade gratuita

 

Deixe um comentário

%d blogueiros gostam disto: