Mart’nália, Orlando Morais e Elias Muniz participam da live Janela UBC, em apoio à campanha “Juntos pela Música” Caixa de entrada x

Iniciativa da União Brasileira de Compositores, em parceria com o Spotify, está unindo fundos para socorrer músicos afetados pela crise. Mais de 1,9 mil artistas já solicitaram o auxílio
l
h

Foto Divulgação Lupa Comunicação

Ação para divulgar a campanha “Juntos pela Música“, que vem arrecadando fundos para ajudar músicos afetados pela crise causada pela Covid-19, a série de lives Janela UBC dessa semana receberá nomes como Tom Gil, empresário do Sepultura e Diretor na agencia W/McCann, e os cantores Mart’nália, Orlando Morais e Elias Muniz. As transmissões acontecem sempre às 16 horas, na página da UBC no Instagram (@ubcmusica). Além do bate-papo, os artistas interpretarão músicas de seus repertórios.

O fundo criado pela União Brasileira de Compositores e o Spotify irá ajudar músicos com o valor de R﹩1.600, divididos em quatro parcelas. Com o valor arrecadado até o momento – R﹩ 1.3 milhões de reais – a iniciativa irá socorrer 806 artistas. Mais de 1,9 mil já solicitaram o auxílio.
f
A série Janela UBC dá início na terça-feira, sempre com um profissional da música. Quem vai abrir a semana amanhã, dia 23 de junho, é o Diretor de Negócios na agencia W/McCann Tom Gil, que possui mais de 20 anos de experiência no mercado. O publicitário é responsável pelas marcas Mastercard e Schar, fundador do duo de rock nacional Manuche e empresário da banda brasileira Sepultura desde 2015, coordenando as operações do Brasil, Estados Unidos e Europa. Foi também empresário do artista Nando Reis entre 2012 a 2014. A live será conduzida pela Gerente de Comunicação da UBC Elisa Eisenlohr.
f

Foto Divulgação Lupa Comunicação
k
kk
Na quarta-feira, 24/06, o músico e escritor Manno Góes conduzirá live com Orlando Morais. Cantor, compositor, instrumentista e arranjador, Orlando possui mais de 20 anos de carreira na música, tendo lançado 9 álbuns de estúdio e 1 DVD ao vivo. Em 2019 o artista lançou o longa-metragem Orlamundo, que ganhou o prêmio de Melhor Documentário no Los Angeles Independent Film Festival Awards.

kk
k
k
Foto Divulgação Lupa Comunicação
k
k
No dia 25, quinta-feira, a convidada da Janela UBC será a cantora e compositora Mart’nália. Filha do sambista Martinho da Vila, a artista se apaixonou pela música desde cedo e começou a carreira com 16 anos de idade. Possui 13 álbuns lançados, sendo o último de 2019, “Mart’nália canta Vinícius de Moraes”. Quem comandará o bate-papo musical será a cantora e diretora da UBC Paula Lima.

k
k
k
Foto Divulgação Lupa Comunicação
k
k
k
Fechando a semana no dia 26/06, sexta-feira, a Janela UBC receberá Elias Muniz, em entrevista conduzida pelo músico e produtor Geraldo Vianna. Cantor e compositor, Elias possui mais de 1,2 mil canções gravadas. Entre os nomes que já gravaram suas músicas, estão Roberta Miranda, Daniel e Fátima Leão. Compôs mais de 100 canções com Luiz Carlos, vocalista do grupo Raça Negra.

k
k
A pandemia do Covid-19 acertou em cheio a indústria da música. A proibição da realização de eventos estancou quase por inteira a fonte de renda de milhares de artistas. A crise afeta também a arrecadação de direitos autorais por execução pública, que terá queda de R﹩ 140 milhões em 3 meses, segundo o Ecad. Diante deste cenário, a União Brasileira de Compositores (UBC) e o Spotify lançam o fundo “Juntos Pela Música”, que remunerará artistas que enfrentam dificuldades financeiras. O fundo nasceu com R﹩ 1 milhão, sendo R﹩ 500 mil da UBC e outros R﹩ 500 mil do Spotify, destinados a milhares de artistas afetados pela quarentena.
g
Para ampliar o alcance dos benefícios, as entidades abriram a campanha para doações da sociedade civil, através de uma plataforma de crowdfunding: http://www.benfeitoria.com/juntospelamusica
g
O movimento faz parte do projeto global “Spotify COVID-19 Music Relief”. A empresa irá igualar as doações arrecadadas via crowdfunding, em parceria com a UBC, para atender os artistas. Neste caso, o Spotify se compromete a equiparar a doação em 1:1. Para cada real doado pela sociedade, a empresa doará o mesmo valor, além do aporte inicial de R﹩ 500 mil, até o limite do seu programa global de ajudas do gênero.
j
j
j
j
j
Créditos – Lupa Comunicação

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.