Presente no Dia das Mães

Arte: Ana C Gonçalves

Hoje, Segundo Domingo de maio, comemoramos o Dia das Mães. O “Mothering Day” ocorria quando as operárias no Reino Unido no início do século XVII recebiam um dia de folga para visitar suas mães, sendo conhecido esta ocasião como “O dia das mães”, em terras “Brasilis”, apenas em 1918. Filhos ao redor do mundo e de toda galáxia rendem suas homenagens, se reúnem e repetem este “rito” sagrado.

Chega àquela hora de entregar os presentes, surgem aventais, panos de prato, panelas, utensílios domésticos com a celebre desculpa que é para casa e também para elas. Engano completo. O mundo mudou e as mamães não ficaram para trás, ELAS estão repaginadas, são pops, fashions, antenadas e modernas.

As mamães da atualidade não são como a Canção de Ataulfo Alves e Mário Lago, “Ai que saudade da Amélia”, aquela que não tinha a menor vaidade. As do agora se apresentam como Mães de Vanguarda, fazem sua história e vão à luta. Elas querem perfumes, jóias, um dia de tratamento de beleza, flores e arranjos, banhos de loja da grife predileta, um celular, tablet, calçados e bolsas, doces, livros, experiências radicais, contato com a natureza.

Ainda assim o melhor presente você dará para ela é estar em sua companhia no dia de hoje, amanhã e depois seja à distância (salvo motivos de força maior) ou presencialmente, que é impagável. Considere-se a dádiva mais excelente na vida de sua mãe, sem você ela não existiria e do mesmo você filho. Na forma que for sua ligação, consanguínea ou emprestada de alma, derrame seu carinho e amor para este “SER” sem par em nossa existência, sempre ETERNA em nossos corações.

Parabéns à todas as mamães!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.