Zezé Di Camargo leva turnê Rústico para Vila JK em São Paulo

“Rústico” batiza projeto solo do cantor com show e DVD

 

Foto: Divulgação Caldi

“Rústico” é mais do que o título do projeto solo de Zezé Di Camargo. É o sinônimo do estilo de vida que o cantor e compositor escolheu para viver desde que começou a pandemia. O resultado traz DVD, EPs e show, que tem percorrido o Brasil e acontece dia 31 de maio, na Vila JK, em São Paulo(SP) com direção de Emmanoel Camargo, empresário e irmão do artista. No repertório, músicas do projeto solo de Zezé Di Camargo, como “Banalizaram“, “Pedras”, “Te Vi, bebi”, “Fraude”, “35 latas de cerveja” e “Vou ter que tomar uma”. Ele também promete hits de sua autoria e canções da trajetória da dupla que tem com o irmão Luciano. Sendo assim, clássicos como “É o amor“, “Muda de Vida“, “Dois Corações e uma história”, “Pão de mel” e “Flores em Vida” vão agitar o público.

 

SOBRE RÚSTICO:

Com direção de Anselmo Troncoso, produção musical de Felipe Duran, supervisão geral de Emmanoel Camargo e artística com assinatura de Rafael Vannucci, “Rústico” foi registrado no final de 2021, na Villa Cavalcare, uma charmosa casa de eventos na capital de Goiás e ganhou, também, novo audiovisual em julho de 2022 em São Paulo.

 

Foto: Divulgação Caldi

“Por conta do isolamento social, provocado pela pandemia, eu me instalei na minha fazenda em Araguapaz (GO), onde criei e desenvolvi ‘Rústico’, que resgata ainda mais a minha essência de homem do campo. Eu não só declamei, como até profetizei em um poema que escrevi há alguns anos: ‘Nasci numa casa branca, fincada num pé de serra, onde canta os passarinhos e é mais bela a primavera. Sou da terra onde o mato fica verde o ano inteiro, sou do estado que pulsa o coração do brasileiro… Sou menino viajante em busca de algo mais, mas um dia eu volto e planto os meus sonhos em Goiás’. No fundo é isso: com a ausência dos shows, voltei às origens, levei a minha mulher e os meus pais para a fazenda. Lá, dia a dia, crescia a vontade de produzir algo com o meu jeito de ser. É bem assim: plantar os sonhos na minha terra”, afirma Zezé Di Camargo.

 

O sonho se materializa em um produto audiovisual com EP de cinco faixas e também clipes, que estão nas plataformas digitais, no canal do artista no Youtube e em todas as rádios do Brasil.

Com repertório especial para o show de São Paulo, pode-se esperar muita moda de viola para quem tão bem entende do público de sertanejo e que soma 32 anos de brilhante carreira ao lado do irmão Luciano. Por isso, ele já avisa de antemão que esse trabalho solo não significa uma separação do mano, mas, sim, um projeto pessoal pelo qual vem se empenhando há bastante tempo.

s

 

 

 

Por Caldi Comunicação

Revista InFoco

Revista In Foco. Uma revista Eletrônica que vai te deixar informado sobre diversos eventos. Fique Ligado!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *