Zezé Di Camargo e Luciano: cariocas conferem “Novos Tempos” e Luciano mostra tênis que a filha vai usar no show da Taylor Swift no Brasil

Por Edna Rocha

 

“Mais uma vez aqui no Rio de Janeiro, recebendo o carinho desse público maravilhoso. Eu sempre digo, que nosso show é um desfile de emoções, é um desfile de clássicos, né? São músicas conhecidas já há 20, 30 anos, até mais. Eu sempre digo: ‘que a gente apenas começa o show’. Quem faz o show, e quem termina o show, é o público, podem ter certeza disso. A gente canta da primeira à última, com as pessoas cantando cada palavra, de cada música. É impressionante como a gente conseguiu, esses anos todos, angariar, vamos dizer assim: ‘juntar esses sentimentos’. E sempre que as pessoas vêm ao nosso show, voltam para casa com um pouquinho, um pedacinho a mais no coração, conquistado por Zezé Di Camargo e Luciano”, resumiu Zezé Di Camargo e mandou beijos para a galera: “obrigado, de coração”.

 

Foto: Graça Paes e Wallace Barbosa/Zapp News

Na sexta, dia 20 de outubro, Zezé Di Camargo e Luciano – a dupla mais amada do Brasil, apresentaram o show da turnê “Novos Tempos”, pela primeira vez no Rio de Janeiro, no Qualistage, zona Oeste da Cidade. Eles, que em conversa com a imprensa no camarim, já confirmaram dois shows no Rio, em 2024, embalaram os fãs, que não conseguiam mais segurar a saudade, com sucessos como “Sem Medo de Ser Feliz”, “Flores em Vida” – que é sempre uma emoção a parte, um momento mais que especial, o ápice  do espetáculo, onde pedaços de papéis são jogados sobre a plateia, celebrando a vida,  “Me leva pra casa”, “Menina Veneno”, “Dou a vida por um beijo”, “Tarde demais” e, claro, “É o amor”, entre outros. Numa noite, onde os filhos de Seu Francisco estavam muito animados em estar de volta ao Rio de Janeiro, Zezé deixou a mostra a bela tattoo que fez em homenagem ao pai e Luciano mostrou a imprensa o tênis, personalizado, que mandou fazer para sua filha Helena assistir o show da Taylor Swift, com direito a certificação. Ele ainda revelou que a filha pretende conhecer e entregar um presente à cantora quando ela vier fazer show no Brasil. Mas não foi só esse tênis que Luciano mostrou para imprensa. Ele, que entendeu ‘o amor de FÃ’ com a filha, mostrou também o tênis que encomendou para ele, do “tio” mais bacana do mundo, o “Pato Donald”. 

 

Foto: Graça Paes e Wallace Barbosa/Zapp News

“Eu pedi para esse menino, que eu conheci através da internet, que é um artista, para fazer esse tênis para ela… Estou tentando ver se ela atende minha filha”, disse Luciano, que encomendou o tênis com o Victor (JV Customs), para a sua filha Helena, que é fã da Taylor Swift, e vai assistir o show no Allianz Parque, em São Paulo.

 

 

 

 

Foto: Graça Paes e Wallace Barbosa/Zapp News

Os meninos contaram com uma plateia repleta de fãs anônimos e famosos como a atriz Marina Ruy Barbosa, que estava acompanhada do novo namorado Abdul Fares e dos pais Paulo e Gioconda, além da presença de Bernardo Amaral e Alexandre Accioli e Bernardo Portugal, executivo da Globo. Além da noiva de Zezé, Graciele Lacerda, sempre solicita, que se encantou com a alegria contagiante de Angelina Ksyvicks, mãe da apresentadora Angélica. Apresentando um repertório romântico, com hits que não saem da cabeça dos fãs, a dupla, que tem aquela sintonia, conseguem refletir o amor que existe entre eles para o público, que fez coro a todos os sucessos do início ao fim, cantou também “modões” como “Estrada da Vida” e “Ainda ontem chorei de saudade”, entre outros clássicos. 

 

Na plateia, muitos casais, como Marina Ruy Barbosa e Abdul, aproveitavam o romantismo da dupla, que tem mais de 30 anos de sucesso, para trocar beijos, e ainda levantaram e dançaram durante as músicas mais animadas. Durante o show, os filhos da dona Helena colocaram no palco o fã-mirim Gabriel Arruda, o pequeno modelo de seis anos, que recebeu o carinho da dupla nos bastidores, para cantar com os ídolos sertanejo “No dia em que saí de casa”. 

 

 

Foto: Edna Rocha

“Estamos aqui falando do ‘novo tempo’, né? E a gente traz “NOVOS TEMPOS”. Por que ‘Novos Tempos’? Porque depois da pandemia, para todos, é um novo tempo. Vamos dizer assim. É um novo recomeço, né?! Foram dois anos de reflexão, mudando hábitos, criando novos hábitos também, mas tem um hábito, que a gente, que nós temos em comum, que é Zezé Di Camargo e Luciano. Então, “NOVOS TEMPOS” para vocês. Vem assistir esse show aqui com a gente. Ano que vem a gente vai fazer duas noites para vocês”, resumiu Luciano Camargo, que antes de posar para fotos no camarim, chegou e saiu cantarolando louvores como “O Rosto de Cristo” e “Grandioso és Tu!”, terminou mandando beijos.

 

 

Foto: Edna Rocha

Mirosmar José de Camargo (cujo nome artístico – pseudônimo é Zezé Di Camargo) e Welson David de Camargo (conhecido como Luciano), que juntos, formam a dupla mais romântica do Brasil, conquistaram o Brasil em 1991, com o lançamento do single “É o Amor”. Zezé Di Camargo e Luciano, que são referências para diversas gerações, seja dos anos 90, ou de 2000 para cá, e sempre enaltecidos por fãs-raiz, ou por novos admiradores, mostraram, de uma forma mais que especial, um show totalmente inédito, que recebeu um nome tão simbólico: “NOVOS TEMPOS”. Afinal, lá se vão pouco mais de três décadas desde que a música “É o amor”,  que alçou os artistas ao sucesso, chegou à rádio Terra de Goiânia (GO), em uma singela fita K-7 levada por Seu Francisco Camargo, pai de Zezé Di Camargo e Luciano.

 

 

“Eu digo que essa turnê tem o nome ideal: ‘Novos Tempos’, porque amor resume o que levamos ao nosso público. E amar se conjuga, sim, em todos os tempos”, afirma Luciano.

 

Foto: Edna Rocha

Para Zezé Di Camargo, é motivo de muita realização e gratidão reconhecer na plateia fãs que os acampam há 32 anos.

 

“Ver todos eles cantando todos os nossos sucessos é ter a certeza de que somos amados. Me sinto pleno em cada canto do Brasil que a gente vai”, Zezé.

 

 

Foto: Edna Rocha

Com muitas imagens em telões e efeitos de luzes, “Novos Tempos” faz uma viagem na trajetória da dupla, que irradiava felicidade, pois transpareciam na troca de olhares, troca de carinho, respeito, beijos, nas brincadeiras, uma conexão tão forte, que penetra nos corações, fazendo com que o amor dos fãs por eles só aumente. 

 

“Começamos com ‘Saudade Bandida’, pois, como dizem, faz parte da playlist dos fãs raiz. Teremos aquelas canções que não necessariamente foram trabalhadas nas rádios, de 1991 para cá, mas que o público gosta, sempre cantou e pedem nos shows”, conta Luciano. 

 

Já Zezé Di Camargo, que assina o repertório com o produtor musical Roger Dias, destaca que as músicas ganharam novos arranjos de sucessos que marcaram vidas e histórias.

 

 “O público vai contemplar um pedacinho de cada época da dupla. Agora em novos tempos”, Zezé Di Camargo.

 

Foto: Graça Paes e Wallace Barbosa/Zapp News

Eles, que são apaixonados pelo Rio de Janeiro desde criança, lá em Goiás, e que durante o show desafiaram os cariocas – que mandaram muito bem, a cantarem o clássico de 1972, “Estrada da vida” (Canção de Milionário & José Rico), onde Zezé viu que Rio sabia cantar e mandou um palavrão de admiração, colhem os frutos de tanto sucesso. Desde que “É o Amor” alcançou o pódio mais alto na trilha sonora de muitos brasileiros, o pai e o tio da Wanessa, que já embalaram os corações brasileiros com trilhas sonoras de novelas da Rede Globo como: a primeira, que foi “Eu te Amo“, tema da Vera Fischer, em “Perigosas Peruas“, “Sem medo de ser feliz” – O rei do gado, “Mentes tão bem” – Araguaia, entre outras, e ainda tiveram participação em algumas delas como “Chocolate com Pimenta”, entre outras, tiveram mais de 58 milhões de cópias vendidas, 27 CD’s, 1 EP e 6 DVDs, faturaram 20 discos de platina, 15 discos de platina duplo, 27 discos de ouro, 27 discos de prata e 25 discos de diamante. Eles, que amam estar no Rio de Janeiro, mas sempre sentem que é um desafio estar na Cidade Maravilhosa, até já conquistaram a sétima arte, com o Filme “2 Filhos de Francisco”, que foi indicado ao Oscar e Grammy Latino. O Rio de Janeiro, também ama Zezé Di Camargo e Luciano, pois eles até foram enredo da Escola de Samba Impreratriz Leopoldinense, no carnaval carioca, entre tantas outras conquistas. 

 

 

Foto: Deividi Corrêa

“Alô, Rio de Janeiiiro!”. ‘O Rio de Janeiro, continua, lindo’, cantarolaram após o término da música ‘Sonho de Amor’. “O Rio de Janeiro, habita na mente da gente desde que a gente era pequenininho, que a gente via aquelas coisas… na Rede Globo, principalmente nas novelas. As novelas traziam o Rio de Janeiro para a gente, assim… A gente estava lá no Goiás, e sabia do Rio de Janeiro. E foi no Rio de Janeiro que eu aprendi… a tomar caldo, a amar. Muita coisa, bonita, e foi onde eu aprendi a ter medo do mar…”, Zezé Di Camargo e Luciano resumiram o amor que sente pela Cidade Maravilhosa.

 

 

Confira um pouco do que rolou no show:

 

 

 

Confira as fotos:

 

 

 

Fontes: Zapp News/ Caldi Comunicação

Revista InFoco

Revista In Foco. Uma revista Eletrônica que vai te deixar informado sobre diversos eventos. Fique Ligado!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *