Bienal do Livro 2023: os três últimos dias serão movimentados na Globo Livros

Foto: Divulgação

Os 40 anos da Bienal do Rio merecem um evento à altura e Globo Livros, Alt, Biblioteca Azul e nossos demais selos não poderiam deixar de trazer várias surpresas para o público. Os visitantes vão encontrar, entre os dias 1 e 10 de setembro, o maior estande da história da editora, com 350 m². Com esse espaço, buscamos acomodar a todos da melhor maneira possível e dividir com os leitores nossos lançamentos mais do que especiais. O estande está localizado no Pavilhão Azul L15/ M14.

No mesmo dia e horário, 8/9, às 12ho espaço infantil oficial conta com a presença de Stella Maris Rezende, escritora vencedora do Prêmio Jabuti de Literatura. Entre seus muitos títulos, estão “A casa mágica” e “A valentia dos personagens secundários”.

Ainda na sexta-feira, às 15hno Auditório Expositores (Pavilhão Verde), Valter Hugo Mãe estará na mesa “Histórias do interior” com Rui Couceiro, autor de “Baiôa sem data para morrer” (Biblioteca Azul), mediados pela influenciadora literária Mell Ferraz (@blogliteraturese) para falar sobre como as escritas dos dois portugueses trabalham as lutas pela defesa de suas origens e formações, seja como sociedade, seja como indivíduo. Valter e Rui darão autógrafos após a mesa na Praça de Autógrafos. As senhas para o bate-papo e os autógrafos serão distribuídas no estande da Globo Livros no dia do evento. Sujeito à lotação.

No mesmo horário, a partir das 15h, Igor Pires, criador e autor dos “Textos cruéis demais para serem lidos rapidamente” autografa no estande da Globo Livros.

O sábado 9/9 já começa animado na Globo Livros. O autor finalista do Prêmio Jabuti de Literatura de 2022 com “Se a casa 8 falasse”, Vitor Martins, estará às 11h na mesa oficial “Mais que autor” (Palavra-Chave) ao lado da Ilustralu, Stefano Volp e Cínthia Zagatto para conversarem sobre suas experiências em outras áreas da produção do livro, e como esse envolvimento no mercado editorial pode influenciar suas obras. No final do dia, a partir das 19h, o autor autografa no estande da editora.

No Auditório Expositores (Pavilhão Verde), às 15h, Laurentino Gomes participa da mesa “A herança da Escravidão no Brasil de hoje” mediada pelo escritor Rodrigo França. Os dois debatem a importância de não deixarmos os acontecimentos do passado se apagarem, pois essa é uma história que precisa ser estudada e recontada, já que o racismo estrutural é uma realidade e uma cruel herança. Laurentino dará autógrafos após a mesa na Praça de Autógrafos. As senhas para o bate-papo e os autógrafos serão distribuídas no estande da Globo Livros no dia do evento. Sujeito à lotação.

No mesmo dia, às 16h,a programação infantil oficial conta com Alexandre de Castro Gomes, especialista em literatura infantil e juvenil. Entre seus livros, temos “O rupestre”, “É porco?” e “Motim das letras”.

Rachael Lippincott e Alyson Derrick, autoras de “Ela fica com a garota”, aterrissam na Bienal para conversar com seus fãs sobre seus mais novos lançamentos, “Orgulho e preconceito e nós duas” e “Lembre-se de nós”, respectivamente. As autoras que são casadas estarão presentes na mesa “Escrever (com) seu amor”no dia 9/9, às 17h, no Palavra-Chave. Mediadas pela escritora Clara Alves, elas irão compartilhar a experiência de escreverem juntas e suas vivências, além das diferenças e semelhanças em seus próprios processos criativos. Rachael e Alyson autografam depois na Praça de Autógrafos.

Lucas Rocha e Solaine Chioro, autores de “Rumores da Cidade” e “Reticências”, respectivamente, autografam no estande da editora a partir das 15h do dia 9/9.

Já o último dia de Bienal tem a participação de Vitor Martins e Igor Pires no estande da Amazon KDP, às 14h,para falar sobre “Literatura Young Adult”. Os fãs também poderão encontrar os seus autores favoritos na Praça de Autógrafos em diferentes horários: Vitor Martins (11h), Laurentino Gomes (15h), Rachael Lippincott e Alyson Derrick (16h).

Vitor também marca presença na mesa “Entra na roda com Abdi Nazemian”no dia 10/9, às 17h, e, às 18h, Laurentino Gomes participará de entrevista no estande da Amazon KDP com Lizandra Magon.

E, para encerrar esta edição especial de 40 anos da Bienal do Livro, no 10/9, às 19h, uma homenagem à Rita Lee, nossa eterna Rainha do Rock, tomará conta do Palavra-Chave. Com Guilherme Samora, editor da Globo Livros, Mel Lisboa e outros nomes, o espaço se transforma em um palco que celebra a memória e o legado de uma das maiores artistas da história do Brasil.

Por Divulgação Editora Globo

Revista InFoco

Revista In Foco. Uma revista Eletrônica que vai te deixar informado sobre diversos eventos. Fique Ligado!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *