Luciano Camargo lança louvor, faz revelações no “The Noite” e manifesta desejo de gravar álbum com Hinos da Harpa e Cantor Cristão

Foto: Edna Rocha

Na madrugada de segunda para terça(23), o cantor Luciano Camargo, que nesta terça disponibilizou a canção “Deserto Não Será Seu Fim“, composição de Anderson Freire e André Freire, em todas plataformas digitais, bateu um papo com Danilo Gentilli, no “The Noite”, pelo SBT. O irmão de Zezé Di Camargo, que pela primeira vez esteve numa entrevista sem seu parceiro de dupla, fez revelações sobre sua vida pessoal. Se emocionou ao falar do pai e não poder se despedir, por ter positivo para o coronavírus, também contou que perdeu seguidores, depois de lançar álbum gospel “A ti entrego“. Lu, cantou a nova música de trabalho, e disse que vão liberar louvores desse projeto até julho, depois entra em estúdio para iniciar a gravação do próximo projeto. O filho de seu “Francisco”, disse que deseja gravar um álbum com hinos da Harpa e do Cantor Cristão. Luciano abriu a temporada de entrevistas inéditas do The Noite em 2021.

 

“Já tenho projeto para esse ano. Já estou colhendo repertório, montando o repertório, já estou pensando. Num projeto, onde tudo é você sozinho, você não tem com quem dividir. Tenho o produtor, mas tudo parte de mim, então já estou montando o repertório, já estou ouvindo música e já tenho a ideia na cabeça”, Luciano.

 

O esposo da Flávia contou que não sentiu discriminação por parte da imprensa. Foi muito bem aceito pela imprensa e todos os canais de televisão, mas na internet não foi 100% de satisfação. Ele disse que após lançar o projeto gospel, perdeu cerca de 40 mil seguidores em sua Rede Social. Por não ser ligado a números de seguidores, e sim na interação com eles, o sertanejo não percebeu. O pessoal da sua equipe que começou a acompanhar e mostrar para ele. Aproveitou para abrir um canal no YouTube, pois não queria fazer uso de nada do ‘Zezé Di Camargo e Luciano’, e começou do zero.

 

 

 

“Quando vi ‘Tempo’ sendo a primeira mais tocada na rádio, foi a mesma emoção que senti com ‘É o Amor’. Posso dizer hoje, sem sombra de dúvida, que estou no ápice da minha carreira. Não por vaidade pessoal, mas por vaidade espiritual”, Luciano.

 

Foto: Edna Rocha

O filho da dona Helena, disse que Deus o preparou para esse momento, e o projeto, que foi sonhado há 20 anos atrás, se iniciou no período certo. Explicou que se tivesse gravado naquela época, teria sido o artista, não o homem, o pai de família, o marido, o cristão, que teria lançado “A ti entrego”. Ele contou que ficou 45 dias gravando, sem ninguém saber, disse que Zezé sabia sobre seu desejo, mas não sabia que ele já estava sendo concretizado. Ainda falou que está no ápice de sua carreira, não por vaidade pessoal, mas espiritual. 

Luciano também abriu seu coração, ele contou que não pode se despedir de seu pai, como enfrentou e sua experiência ao ser infectado pelo novo coronavírus. Explicou, que quando fez o exame e deu positivo para Covid, veio em sua cabeça que não iria conseguir se despedir de seu pai, pois ele estava hospitalizado e há algum tempo em uma situação crítica. Emocionado, o tio da Wanessa contou que não pode dar um abraço de despedida, falou também não pode receber um abraço de conforto. 

 

“Quando eu recebi a notícia foi um baque para mim. Junto com a notícia você sempre recebe um apoio, um abraço, e por estar com Covid não pude receber nem um abraço. Não pude dar o abraço de despedida no meu pai e também não pude receber um abraço de conforto. Isso é terrível. Não pude ir no velório me despedir”,  Luciano.

“Essa saudade só vai acabar quando eu abraçar ele de novo. Aí vou dar um abraço eterno. Não tenho dúvidas que vou encontrar com ele”, resumiu Luciano.

 

Foto: Edna Rocha

Neste 2021, Zezé Di Camargo e Luciano completam 30 anos de carreira, e o sertanejo disse que vão comemorar o ano todo. A celebração começou em janeiro com single ‘1 hora e meia’, em março tem show no Espaço das Americas, web-série programada para abril, o Cruzeiro em novembro, além de parcerias inéditas, e todas os outros eventos que ainda estão por vir. Toda essa historia começou no ano de 1990, quando a dupla fechou contrato com contrato com a gravadora Copacabana.  No dia 19 de abril de 1991, Zezé Di Camargo & Luciano lançaram seu 1º álbum de carreira, e o clássico “É o Amor“, maior sucesso de ZCL, estourou nas rádios do Brasil, alcançando o primeiro lugar nas paradas de sucesso.

 

 

Confira a entrevista.

 

 

 

 

 

Por Edna Rocha

Revista InFoco

Revista In Foco. Uma revista Eletrônica que vai te deixar informado sobre diversos eventos. Fique Ligado!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.