Espetáculo O longo caminho que vai de Zero a Ene na Casa de Cultura Laura Alvim

Foto: Divulgação

Casa de Cultura Laura Alvim apresenta do dia 11 de maio a  02 de junho, o espetáculo O longo caminho que vai de Zero a Ene. Escrita em 1974, a peça apresenta o jogo dramático de uma perseguição no qual dois personagens, Zero (Bruno De Aragão), portador da marca da nulidade, está no encalço de Ene (Elton Pinheiro), que é – ou quer ser – alguma coisa. As personagens se agitam na situação trágica de tentarem existir, quando tudo ao redor os sufoca e esmaga, e se descobrem presas ao terrível vácuo pior do que a morte: a não existência. Direção de Josué Soares . Produção de “Ih Contei” e “Cia. do Alto”. 

A montagem propõe um estado de inquietação que nos faz interrogar o mundo, alcançando além da superfície, trazendo à luz aquilo que os fatos, em si mesmos, não revelam. A dramaturgia é  profundamente sensível à riqueza e imponderabilidade das relações humanas. As personagens  mostram-se nas suas angústias e incertezas cabendo ao público formar juízos a seu respeito, promovendo uma experiência catártica que nos leva a uma reflexão sobre o contínuo defrontar-se do eu com o outro, com os outros.

Utilizando-se do gênero absurdo o espetáculo é desenvolvido através do físico e gestual, com o palco livre de cenários e objetos onde o vazio é experimentado pelos atores e público.

 

 

 

Ficha Técnica: 

Texto: Timochenco Wehbi

Direção: Josué Soares 

Atores: Bruno De Aragão e Elton Pinheiro 

Figurinos: Hélder Sátiro 

Maquiagem: Cia. do Alto 

Iluminação: Josué Soares e Rodrigo Teles 

Design Gráfico: Márcio De Andrade

Assessoria de Imprensa: Roberta Mattoso (RoMa in Press Comunicação & Imprensa)

 

 

Serviço: O longo caminho que vai de Zero a Ene

Casa de Cultura Laura Alvim: Avenida Vieira Souto, 176. Ipanema. Teatro Laura Alvim (palco principal).

Data: 11 de maio a 02 de junho. Sextas e sábados, às 20h, e domingos, às 19h.

Valor: R$30, a inteira.

Capacidade: 180 lugares.

Duração: 50 minutos.

Classificação: 12 anos.

Deixe um comentário

%d blogueiros gostam disto: