Dia dos pais: O poder do sorriso em nosso cotidiano

No dia dos Pais uma leve reflexão sobre a energia do bom humor

 

Foto: Arte Nilber/ Google Imagens

Na gargalhada despretensiosa, solta e sincera de uma criança está presente o verdadeiro poder. Em 2001, a animação dos estúdios Pixar revelou ser essa, a força mais poderosa do planeta. Crianças na Monstros S/A eram proibidas, e, segundo as regras contaminavam o ambiente. Assustá-las, era um excelente negócio, o melhor emprego em Monstrópolis.

Depois das peripécias e trapalhadas dos monstros James P. Sullivan e Mike Wazowski, para esconder de seu mundo “monstruoso” a pequena Boo, a pequena menina que assustavam na “Fábrica de sustos”. Eles acabaram descobrindo o contrário, que fazer as crianças rirem, era o mais poderoso que provocar sustos e gerava energia para a cidade monstro.

É unanimidade que o riso produz inúmeros benefícios para o corpo e a para a mente humana. Relaxa a tensão física sobre a musculatura e com isso diminui o estresse. Permite a produção de células do sistema de defesa que defendem nosso organismo de infecções e doenças. O coração é um grande beneficiário dessa química, incrivelmente uma boa risada, o bom humor elevado ajuda a melhorar as funções cardíacas, aumenta o calibre dos vasos sanguíneos produzindo mais fluxo e controle dos batimentos do “tambor da vida” e certamente irá prevenir de complicações cardiovasculares. Os monstros da vida adulta são outros, e os monstros são os “outros”. O cotidiano nos sufoca, a rotina nos envenena, as contas, o trânsito, as parafernálias “ hi tech” por vezes nos engessam essas alegrias livres de qualquer adição tecnológica compostas de calor, abraço e afetos humanos.

O entendimento da engrenagem da vida só entendemos quando a paternidade (ou maternidade), nos alcança, seja biológica ou do coração. Assino embaixo, essa cósmica energia que muitas vezes se espalha em minha sala, cozinha, corredores. Quando minha pequena Késia, na simplicidade solta gargalhadas plenas de vida e cor, seja numa brincadeira de pique- esconde entre a mureta da cozinha, ora atrás de uma fruteira e porta copos ou aparecendo e desaparecendo na mureta.

 

É uma sensação indescritível, um momento mágico, que se pudesse congelar no tempo e volta-lo várias vezes eu faria, como se faz com a tv”.

 

Foto: Edna Rocha

 

Se “Rir é o melhor remédio”, segundo o manual da “Alegria”, aproveite cada fagulha do poder do sorriso de nossos queridos, aquele abraço forte, um bate papo descontraído no almoço de domingo com nossas famílias. Neste dia dos Pais destrua os monstros, e sem “ sustos”, vá sorrir com sua família, seus filhos, sua herança, é o que movimenta a vida. O relógio não vai te esperar e o tempo passa rápido.

 

 

“Minha filha está crescendo e terá outras aspirações de me deixar de cabelo em pé, outra forma de encantar meus olhos. Nosso desejo como pais é que nossas crianças cresçam entendendo e respeitando o outro, encarando as diferenças, espalhando o amor e o bem comum e usando seus intelectos para construir um mundo melhor”.

 

 

Um Feliz Dia dos Pais todos os dias!!!!

 

 

Por: Nilber Ferreira

Deixe um comentário

%d blogueiros gostam disto: