Rodrigo Minotauro reúne imprensa e amigos para exibição de seu documentário

“O documentário não é só para os fãs de luta. Ele vai mostrar um lado muito humano, o lado esportista, de superação e vitórias”, Minotauro.

 

Minotauro, Juliane e Monotouro
Foto: Graça Paes

Na noite da última quarta, dia 18 de abril, o lutador Rodrigo Minotauro reuniu a imprensa e convidados, em seu restaurante, Chez Heaven, no shopping Vogue Square, na Barra da Tijuca, Zona Oeste do Rio de Janeiro, para exibição do documentário “Minotauro”, que fala sobre a sua vida, os bastidores das lutas e dramas pessoais.

A festa de lançamento teve um cardápio preparado pela chef Heaven, que dá nome ao espaço, além de ser namorada do embaixador do UFC. Minotauro contou com a presença de seu irmão Rogério Minotouro, dos lutadores e companheiros de Team Nogueira Amanda Ribas, Davi Ramos e Vitor Miranda, da atriz Julianne Trevisol, entre outros.

 

O documentário é muito interessante, relata bem o meu lado pessoal, a minha família, é uma coisa que vai além do octógono. As filmagens começaram 2010 e terminaram em 2018”, revela o embaixador do UFC.

 

Davi Ramos, Vitor Miranda, Amanda Ribas, Minotouro e Minotauro
Foto: Edna Rocha

O documentário produzido pela Hungry Man e co-produzida pelo Canal Combate, em parceria com o UFC, com direção de Fernando Serzedelo e Jc Feyer, retrata a história de vida do lutador Rodrigo Minotauro e todas suas superações. A obra conta toda a trajetória do embaixador do UFC, a lenda do MMA. O trabalho retrata desde o acidente vivido pelo lutador aos 11 anos de idade, passando pela luta contra o “monstro” americano Bob Sapp, no PRIDE, em 2002, e o confronto com Brendan Schaub, na primeira vez em que Minotauro disputou o UFC no Brasil/RJ, em 2011.

Muito alegre e emocionado, Minotauro falou sobre seu mais novo trabalho e contou que começou de uma maneira informal no set de filmagens do filme ‘Velozes e Furiosos’, em novembro de 2010. Ele disse que as pessoas se apaixonaram ainda mais pelo esporte, após conhecerem sua história de superação.

 

“Em 2011, começamos as filmagens… Eu ia fazer duas cirurgias no quadril e outra no joelho, ia ficar um ano sem lutar por conta dessas três cirurgias, eu ficaria cinco meses andando de muletas, e a gente começou esse documentário filmando desde a recuperação da cirurgia, eu mancando, indo para a academia. A gente tinha o intuito de mostrar essa recuperação, de superação, a virada até chegar a volta ao octógono (em 2011, no primeiro evento do UFC no Brasil)”, Rodrigo.

 

Pedro Rizzo, Minotauro e Minotouro
Foto: Graça Paes

Antônio Rodrigo Nogueira, mais conhecido como Minotauro ou Rodrigo Nogueira, nasceu em Vitória da Conquista, Bahia, no dia 2 de junho de 1976, é um ex-lutador brasileiro da categoria peso-pesado de artes marciais mistas (MMA), um dos representantes das artes marciais brasileiras, atualmente é embaixador do UFC. Aos onze anos foi atropelado por um caminhão de lixo, ficou 25 dias em coma, e um ano internado.

Iniciou muito cedo no judô, depois passou a praticar boxe, jiu-jitsu (esporte em que foi campeão pan-americano antes de receber a faixa preta), muay thai e wrestling. Foi protagonista de algumas das maiores lutas da extinta associação Pride, como por exemplo a sua vitória sobre o “gigante” Bob Sapp e seus quase 150 kgs, luta em que sofreu muitos golpes potentes, mas conseguiu finalizar o oponente no segundo assalto, aplicando um arm-lock (chave-de-braço) no gigante Sapp. Possui um estilo de luta baseado no jiu-jitsu brasileiro e boxe. Numa das mais elogiadas lutas de sua carreira, no dia 27 de agosto de 2011, nocauteou Brendan Schaub no UFC Rio, depois de três cirurgias (duas nos quadris e uma no joelho esquerdo) e dez meses parado.

 

 

Fontes:

Agência Zapp News

https://pt.wikipedia.org/wiki/Antônio_Rodrigo_Nogueira

Rolar para cima

Revista InFoco

Revista In Foco. Uma revista que vai te deixar informado sobre tudo que esta acontecendo na cidade do Rio de Janeiro.

Deixe um comentário

%d blogueiros gostam disto: