Prefeitura do Rio promove ação de prevenção ao HIV

De janeiro até outubro de 2017, a  Secretaria Municipal de Saúde( SMS) realizou mais de 156 mil testes de HIV e 192 mil testagens de sífilis nas unidades de Atenção Primária (Clínica da Família e Centro Municipal de Saúde)

 

Foto: Google Reutilizável

Quem passar pela Praça Marechal Floriano, na Cinelândia, Centro do Rio, nesta sexta-feira (01), até às 18h, poderá aproveitar os serviços da ação  de  prevenção ao vírus do HIV/AIDS organizada pela Coordenadoria Especial da Diversidade Sexual em parceria com a AIDS Healthcare Foundation (AHF), uma organização social sem fins lucrativos representada no Brasil pelo IMPULSE GROUP e o grupo Pela VIDDA.

Uma tenda montada em frente a Câmara  Municipal do Rio está disponibilizando teste rápido para detecção do vírus HIV, o exame oral é realizado com fluidos da saliva.

Os voluntários das ONGs e os servidores da CEDS Rio também  estão distribuindo  kits  contendo material informativo de prevenção às infecções sexualmente transmissíveis (IST), preservativos (masculino e feminino), além de gel lubrificante.

Segundo estatísticas, os grupos sociais mais vulneráveis as doenças sexualmente  transmissíveis  e com maior chance de exposição ao HIV são os homens que fazem sexo com homens (HSH), profissionais do sexo,  e pessoas trans (transexuais e travestis). Entre os homens, por exemplo, nos últimos dez anos houve um aumento da taxa de detecção principalmente entre aqueles com idade entre os 15 e 24 anos, e acima de 60 anos.
Todos os que desejarem realizar os testes podem procurar as Unidades de Atenção Primária da Secretaria Municipal de Saúde (SMS) portando o documento de identidade. Os resultados estarão disponíveis em 10 dias na unidade onde foi realizada a coleta.

 

 

 

 

 

 

Deixe um comentário