CD “Viva Renato Russo 20 anos” receberá a participação de 12 bandas do rock nacional

“Preciso ter coragem para modificar o que posso e partir para ação!” Livro: Só por hoje e para sempre – Renato Russo

 

Foto: Divulgação Renato Russo
Foto: Divulgação Renato Russo

A Legião Urbana Produções Artísticas, vai lançar um álbum para recordar o maior ídolo do rock brasileiro, Renato Russo, um poeta atemporal que faleceu no dia 11 de outubro de 1996, aos 36 anos, por broncopneumopatia, septicemia e infecção urinária, consequências do contágio pelo vírus HIV. O álbum intitulado ‘Viva Renato Russo 20 Anos’, será distribuído gratuitamente em outubro, estará disponível por streaming digital com o Spotify e no formato CD físico.

No repertório do CD, 12 bandas e artistas de várias regiões do Brasil. São elas: o grupo curitibano Uh La La comnew wave do; a psicodelia da banda Supercordas que vem de Paraty/RJ; o pop da banda Plutão Já Foi Planeta, de Natal; o stoner rock da tecladista e cantora potiguar Cris Botarelli, da Far From Alaska; o metal do grupo paulista República; ocountry rock da banda Facção Caipira, de Niterói; o pop rock alternativo do grupo de Campo Grande, Codinome Winchester; o rock experimental da cantora gaúcha Duda Brack e da banda carioca Baleia; o garage rock da banda paraense Molho Negro; e o rock-pop urbano dos paulistas da Vespas Mandarinas e dos cearenses do Selvagens a Procura da Lei. Além das bandas, o álbum também trará duas faixas bônus com artistas internacionais: a cantora japonesa Tsubasa Imamura e o cantor espanhol Sepiurca Zukin.

Foto: Divulgação Renato Russo
Foto: Divulgação Renato Russo

Renato ‘Russo’ Manfredini Júnior, compositor, músico, letrista e artista multimídia, considerado um dos maiores ídolos de sua geração, ainda serve de inspiração para muitos artistas que estão começando e de exemplo para aqueles que desejam vencer os problemas pessoais que os afligem.  No ano de em 1982, o cantor criou a banda Legião Urbana e desde então o grupo vendeu mais de 20 milhões de discos.  Deixou um legado fértil para que seu público. Clássicos como “Índios”, “Faroeste Caboclo”, “Tempo Perdido”, “Mais uma Vez”, “Pais E Filhos”, “Monte Castelo”, “Geração Coca Cola”, “Eu Sei”, “Que País é Este”, “A Tempestade”, “A Via Láctea”, entre muitas outras ainda podem ser deliciados pelos fãs que acabam revivendo suas  histórias e momentos marcantes quando as ouvem.

Além do álbum, outros projetos estão sendo desenvolvidos para homenagear o legado deixado por Renato. Entre eles, ‘Renato Russo – O Musical’, peça com o ator Bruce Gomlevsky que estreará dia 11 de outubro no RJ; o lançamento pela editora Companhia das Letras do livro “The 42nd St. Band”, romance escrito pelo artista aos 15 anos sobre uma banda imaginária. E, para completar as homenagens, um filme está sendo rodado baseado na canção ‘Eduardo e Mônica’, provando mais uma vez que suas composições podem se expandir para outras artes e transformar-se num roteiro cinematográfico.

Em 2017, o MIS – Museu da Imagem e do Som – de São Paulo, vai receber uma exposição inédita dedicada a Renato Russo. O inventário da exposição será composto por manuscritos, diários, discos, livros, esculturas, quadros, desenhos, fotos, instrumentos musicais e roupas; relíquias guardadas no antigo apartamento, em Ipanema no Rio de Janeiro, que mostrarão seu universo impressionante e singular.

Site oficial: http://www.renatorusso.com.br/

 

Revista InFoco

Revista In Foco. Uma revista que vai te deixar informado sobre tudo que esta acontecendo na cidade do Rio de Janeiro.

Deixe um comentário

%d blogueiros gostam disto: