Casa do Choro – Programação de 29 de agosto a 3 de setembro

O espetáculo Choro Carioca, o grupo Os Matutos, Valter e Valdir, Granduo e Nailor Proveta estão na programação da semana

 

 

Casa do Choro  Foto: Fabiano Battaglin
Casa do Choro
Foto: Fabiano Battaglin

O choro carioca é a origem de toda a música produzida no Brasil até hoje. O samba e a bossa nova, aliás, são os “filhos” mais famosos do gênero. E é por conta disso que os espetáculos da Casa do Choro, no centro do Rio, são parada obrigatória para quem quer apreciar a essência e a beleza da música popular brasileira durante todo o ano. De segunda à quinta-feira acontece a série “Choro das Seis e Meia”, com incentivo da Secretaria Municipal de Cultura.

O horário agrada em cheio ao público que trabalha no centro da cidade. Sexta e sábado é a vez dos “Saraus Cariocas”, patrocinados pela Petrobras, com shows às 12h30 e também às 18h30. Além disso, entre 10 de agosto e 8 de setembro a casa apresenta o espetáculo “Choro Carioca: Música do Brasil”, criado especialmente para a agenda cultural dos Jogos Olímpicos e Paralímpicos Rio 2016, com apresentações quartas e quintas, sempre às 12h30, de 10 de agosto a 8 de setembro.

Programação 29/08 a 03/09

 

 

Até 08/09 | Choro Carioca: Música do Brasil

Choro Carioca Música do Brasil Foto: Divulgação
Choro Carioca Música do Brasil
Foto: Divulgação

Com Cristovão Bastos (piano) Mauricio Carrilho (violão), Luciana Rabello (cavaco), Aquiles Moraes (trompete) e Magno Julio (percussão.

O espetáculo conta a história do mais antigo gênero musical brasileiro, seus compositores e fatos marcantes ilustrados por projeções que retratam as transformações da cidade ao longo dos séculos. Da chegada da corte portuguesa, trazendo consigo instrumentos como o piano, o roteiro passeia por ritmos pré-choro como o lundu e a polca, passa pelas rodas de diferentes épocas e termina no choro contemporâneo. Registros de Lima Barreto e Paulo César Pinheiro pontuam alguns momentos do espetáculo, que também traz projeções de fotografias raras e de obras de artistas como Portinari e Debret. “Choro carioca: Música do Brasil” tem coordenação geral de Luciana Rabello, direção musical e arranjos de Mauricio Carrilho e Pedro Aragão e direção de imagem de Zeca Ferreira.

Casa do Choro: Qua e Qui, às 12h30 | Gratuito | Livre.

 

 

Os Matutos  Foto: Silvana Marques
Os Matutos
Foto: Silvana Marques

 

29/08 e 30/08 | Choro das Seis e Meia apresenta: Os Matutos

Com Everson Moraes (oficleide), Aquiles Moraes (trompete e flugelhorn), Tadeu Santinho (flauta e flautim), Marlon Júlio (violão de 7 cordas), Pablo Carrilho (violão de 6 cordas), Lucas Oliveira (cavaquinho), Maycon Júlio (bandolim), Marcus Thadeu (percussão) e Magno Júlio (percussão)

Nascidos em Cordeiro, na Serra Fluminense, os integrantes do grupo iniciaram suas trajetórias musicais através da banda da cidade, a Sociedade Musical Fraternidade Cordeirense e aprofundaram seu estudo musical na Escola Portátil de Música, na qual ingressaram no ano 2000. Para estes espetáculos, o grupo prepara uma homenagem ao flautista Álvaro Carrilho, um dos fundadores da Escola Portátil de Música.

Casa do Choro: Seg e Ter, às 18h30

 

 

 

 

Valter e Valdir Foto: Divulgação
Valter e Valdir
Foto: Divulgação

31/08 e 1/09 | Choro das Seis e Meia apresenta: Valter e Valdir

Com Patrick Angelo (violão), Tomaz Retz (flauta) e Bidu Campeche (percussão).

Nascidos no subúrbio do Rio de Janeiro, os gêmeos Valter e Valdir foram criados no meio do choro e do samba. Atuaram em shows e gravações de vários artistas como Clara Nunes, Abel Ferreira, Elza Soares, Yamandu Costa, Martinho da Vila, Cartola, Clementina de Jesus, Ataulfo Alves, Gonzaguinha, Nelson Gonçalves, Ademilde Fonseca, Carlos Cachaça, Altamiro Carrilho, Luiz Gonzaga e Roberto Ribeiro.

Casa do Choro: Qua e Qui, às 18h30

 

 

 

 

Granduo Foto: Divulgação
Granduo
Foto: Divulgação

2/09 | Saraus Cariocas apresentam: Guanduo

Com Eduardo Pinheiro e Juliano Camara

Eduardo Pinheiro e Juliano Camara, se conheceram na cidade mineira de Tiradentes, onde passaram a infância e começaram a tocar violão. Foi através do convívio com o violonista Joaquim Santos, pai de Juliano, que a descoberta do instrumento musical aconteceu. Desde o início da formação musical do duo, a vontade de compor esteve presente. Apaixonados pela cultura popular brasileira e por sua diversidade de manifestações, o duo sempre buscou na matéria prima brasileira a essência de suas composições. Granduo lança na Casa do Choro o disco “Inventos”. O álbum foi inspirado numa viagem da dupla ao Nordeste, percorrendo mais de oito mil quilômetros. No repertório, as canções “Orixá da Sobrevivência” e “Suíte Compartilhada”, vencedoras do Prêmio BDMG. Além delas, o duo tem em seu repertório composições de Egberto Gismonti e Jacob do Bandolim.

Casa do Choro: Sex, às 12h30

 

 

Nailor Proveta Foto: Divulgação
Nailor Proveta
Foto: Divulgação

2/09 e 3/09 | Saraus Cariocas apresentam: Nailor Proveta

Nailor Proveta iniciou sua carreira profissional no final dos anos 1970, em São Paulo. E, de lá pra cá, atuou em shows e gravações com vários artistas. É líder da Banda Mantiqueira, grupo instrumental com o qual lançou os CDs “Aldeia” (1998), indicado ao Grammy, na categoria Jazz Latino, e “Bixiga” (2000). O saxofonista apresentará neste espetáculo seu projeto “Brasileiro Saxofone”, que já tem dois discos lançados pela Acari. “Brasileiro saxofone” traz obras de Nailor Proveta, Pedro Paes, Maurício Carrilho, Radamés Gnattali e Moacir Santos, em um repertório que revela muitas das facetas deste instrumento tão versátil no cenário atual da música popular brasileira, e em particular no choro.

Casa do Choro:

Sex e Sáb, às 18h30

 

 

Casa do Choro

 

Rua da Carioca, 38 – Centro, Rio de Janeiro

Tel.: (21) 2242-9947

Valor: R$30 | Livre

.

Capacidade do Auditório Radamés Gnattali: 100 lugares

Acessibilidade: Acesso para portadores de necessidades especiais

Bilheteria aberta 1h antes dos espetáculos (pagamentos apenas em dinheiro)

 

Deixe um comentário

%d blogueiros gostam disto: